sábado, 18 de janeiro de 2014

Copa do Noedeste


TRICOLOR ESTREIA NA COPA DO NORDESTE 2014 COM VITÓRIA
O Mais Querido deu o pontapé inicial na temporada 2014 neste sábado, diante do Vitória da Conquista/BA, pela Copa do Nordeste. E o Santa venceu pelo placar de 3x2, com gols de Natan, Raul e Renan Fonseca.
Com esse placar, o Tricolor larga na frente no Grupo B e na próxima rodada encara o Bahia fora de casa, na quarta-feira, às 21h15.
O TIME - Contando praticamente com o mesmo elenco que se sagrou Campeão Brasileiro da Série C, ano passado, o treinador Vica resolveu manter a mesma estrutura de equipe que vinha atuando. A única mudança foi no meio de campo, já que o volante Dedé não permaneceu no clube, assim, Vica mandou à campo um time com três meias.
O Santa formou com: Tiago Cardoso, Oziel, Renan Fonseca, Éverton Sena e Tiago Costa; Sandro Manoel, Luciano Sorriso, Raul, Natan e Renatinho; Flávio Caça-Rato.
O JOGO - A partida começou com muita velocidade em Caruaru e logo aos 2 minutos o Mais Querido abriu o marcador diante do Vitória da Conquista. Tiago Costa fez grande jogada pela esquerda e passou para Caça-Rato, o atacante tricolor dominou e lançou com qualidade para Natan, que entrou na área e tocou ma saída do goleiro Alex. 1x0
A festa nas arquibancadas do Luiz Lacerda foi grande com o gol tricolor, mas já aos 5 minutos quase o time baiano empata. Tiago Cardoso falhou e Júnior Gaúcho ficou livre para marcar, mas acabou mandando pra fora.
O Santa respondeu aos 13 minutos, quando Renatinho recebeu bom lançamento e mandou para as redes, mas a arbitragem parou a jogada e alegou impedimento.
A partida caiu um pouco de rendimento e só aos 24 minutos esquentou novamente, quando Caça-Rato entrou pela direita e tocou para Natan dentro da área, que chutou, mas a zaga cortou para escanteio. Na cobrança do escanteio Oziel cruzou, o goleiro Alex saiu mal e Raul mandou de cabeça para o gol. 2x0
Quando a partida parecia tranquila, o volante Sandro Manoel fez puxou o adversário dentro da área e o juiz marcou pênalti. Tatu cobrou bem e diminuiu o marcador aos 34 minutos. 2x1
No fim do primeiro tempo o time baiano teve a chance ainda de empatar, em mais uma falha da defesa tricolor, mas Tiago Cardoso defendeu e salvou o Santa.
SEGUNDO TEMPO - Na volta para a segunda etapa o treinador Vica foi obrigado a mudar sua equipe, já que Flávio Caça-Rato levou uma pancada no tornozelo e não conseguiu continuar em campo. Pingo, recém-chegado ao Arruda, foi o escolhido para entrar em campo e fazer a sua estreia.
Logo aos 3 minutos o Santa teve grande chance de marcar. Tiago Costa avançou pela esquerda e cruzou rasteiro para Raul, que mandou de letra, mas a bola acabou indo pra fora. 
Na sequência foi a vez de Sorriso perder a oportunidade de marcar. Raul fez boa jogada pela direita, entrou na área e tocou para trás, mas Sorriso - livre - errou a finalização.
Para deixar seu time mais forte no meio de campo, o treinador vica escalou o volante Memo na vaga de Renatinho e adiantou Natan para o ataque. A mudança logo surtiu efeito e o Tricolor fez o terceiro gol.
Aos 25 minutos, depois de uma cobrança de falta, o zagueiro Renan Fonseca ficou com o rebote na marca do pênalti, fez boa jogada, e mandou um foguete de canhota para as redes de Alex. 3x1
Depois do terceiro gol do Santa a partida diminuiu de ritmo e só voltou a ficar movimentada nos minutos finais, quando o Vitória diminuiu o marcador em uma cobrança de falta, na qual a defesa coral falhou mais uma vez. 3x2


Potiguar vence Treze de virada na abertura da Copa do Nordeste


Time do Potiguar encerrou a preparação para a partida desta sexta com um recreativo
Logo na abertura da Copa do Nordeste, o torcedor já pôde perceber que a competição regional reserva boas emoções em 2014. Na única partida desta sexta-feira, o Potiguar de Mossoró recebeu o tradicional Treze de Campina Grande e garantiu a vitória apenas aos 45 minutos do segundo tempo. Vavá marcou para o time do Rio Grande do Norte e definiu o resultado: 2 a 1 para os donos da casa.
Após um primeiro tempo pouco movimentado, o Galo da Borborema abriu o marcador aos dez minutos da etapa complementar. A defesa do Potiguar falhou, Téssio aproveitou e rolou a bola para Jaílson, que não teve trabalho para balançar as redes pela primeira vez na Copa do Nordeste.
A torcida do Potiguar já estava irritada com o desempenho de sua equipe, mas os donos da casa conseguiram se recuperar nos minutos finais. Já aos 35, Fabinho Cambalhota roubou a bola do time paraibano, bateu forte e o goleiro Gilson espalmou. No rebote, Raillan colocou no fundo do gol.
Desta forma, a partida ficou dramática nos minutos finais. O torcedor do Potiguar já se contentava com o empate, mas o time de Mossoró ainda foi valente passou á frente do marcador. Aos 45 do segundo tempo, Vavá mostrou oportunismo, ganhou dos zagueiros na área e mandou para as redes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário